Notícias

Lei Seca

Desde dezembro de 2012, a Lei Seca está mais rigorosa. Antes, a comprovação de embriaguez só poderia acontecer através do teste do bafômetro ou exame de sangue. Atualmente não. Vídeos, testes clínicos e depoimentos já são considerados formas de provar a embriaguez. A multa também mudou: R$1.915,40. Além disso, foi estabelecida a tolerância de 0,05 mg de álcool por litro de sangue, o que equivale a menos de um copo de cerveja.

No ano passado, os policiais aplicaram 317,6 mil testes de bafômetro no Rio. Para Paulo Cezar Ribeiro, professor de engenharia de transporte da Coppe-UFRJ (Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa em Engenharia, da Universidade Federal de Rio de Janeiro), embora a "rigidez da lei esteja adequada, é preciso uma fiscalização maior".

"Em função do valor da multa, a coibição é maior. Mas acho que a rigidez é adequada. Aumentando a fiscalização, é possível fazer com que a Lei Seca seja cada vez mais respeitada. Não há necessidade de torná-la mais rigorosa. As pessoas estão evitando dirigir. No meu círculo de amizades, por exemplo, vejo todo mundo usando táxi. As pessoas estão se adaptando a esses novos costumes", diz Ribeiro.

Fonte: http://glo.bo/1eRl1Xn (texto adaptado).                 

Veja também:

© Copyright 2011 - Krieger Advocacia Especializada